Quinta, 13 de Junho de 2024 (42)99838-3791
Ensino Afastada

Secretário de Educação do Paraná afasta diretora de Colégio de PG

Após opiniões contrárias ao projeto "Parceiro da Escola', diretora do "Instituto de Educação" foi afastada pela SEED-PR

07/06/2024 10h29 Atualizada há 6 dias
Por: Redação
Secretário de Educação do Paraná afasta diretora de Colégio de PG

Na tarde desta quinta-feira, por meio da Resolução n.º 3.345/2024 – GS/SEED, o secretário de Educação do Paraná Roni Miranda Vieira afastou temporariamente a professora Carmen Lúcia de Souza Pinto, diretora do Instituto de Educação Professor César Prieto Martinez, situado na Vila Estrela em Ponta Grossa-PR. Nesta resolução ele designou uma diretora interina que assumiu a direção do colégio no lugar de Carmen.

A professora postou em suas redes sociais um vídeo na tarde de quinta(7) onde comentou a decisão:

Os motivos alegados para o afastamento foram "em atendimento ao Princípio da Supremacia do Interesse Público quanto à manutenção da gestão educacional e iminência de culpa in vigilando da administração pública". Em nota, os advogados Pietro Arnaud e Fabrício Stadler Grellman destacaram que já estão trabalhando para garantir que os direitos da professora sejam respeitados, em busca do prevalecimento da verdade.

Confira a íntegra da nota de seus advogados:

Acabamos de tomar conhecimento da Resolução n.º 3.345/2024 – GS/SEED, assinada pelo Secretário Estadual de Educação do Paraná, Roni Miranda Vieira que, sob o argumento de atendimento ao Princípio da Supremacia do Interesse Público quanto à manutenção da gestão educacional e iminência de culpa in vigilando da administração pública, a referida resolução afastou temporariamente a Professora Carmen Lúcia de Souza Pinto, Diretora do Instituto de Educação Professor César Prieto Martinez, e designou uma diretora interina, em decorrência da participação da professora nos atos democráticos em defesa da escola pública, em especial, por seus vídeos e falas. 

A Professora Carmen Lúcia de Souza Pinto tem sido uma das maiores lideranças na defesa da educação estadual pública e de qualidade. Sua dedicação e compromisso com a educação são amplamente reconhecidos por toda a comunidade escolar e pela sociedade paranaense. Diante dessa situação, não podemos simplesmente assistir passivamente.

Informamos que já conversamos com a Professora Carmen e, eu, Pietro Arnaud, juntamente com meu sócio, Fabricio Stadler Grellmann, assumiremos sua representação administrativa e judicial na condição de advogados. Estamos comprometidos em garantir que seus direitos sejam respeitados e que a verdade prevaleça.

Reiteramos nosso compromisso com a defesa da educação pública de qualidade e com a justiça. Acreditamos que a verdade, justiça e a democracia prevalecerão e que a Professora Carmen Lúcia de Souza Pinto será reintegrada ao seu cargo, continuando seu trabalho exemplar em prol da educação.

 Escritório Arnaud & Grellmann 

    Nenhum comentário
    500 caracteres restantes.
    Comentar
    Mostrar mais comentários
    * O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.