Domingo, 26 de Maio de 2024
11°

Chuvas esparsas

Ponta Grossa, PR

Dólar
R$ 5,17
Euro
R$ 5,61
Peso Arg.
R$ 0,01
Bem-estar Combate à fome

Ponta Grossa participa de treinamento para o ‘Alimenta Cidades’

Programa do Governo Federal acontecerá em 59 municípios brasileiros

15/05/2024 às 17h24
Por: Redação Fonte: Prefeitura de Ponta Grossa
Compartilhe:
Divulgação
Divulgação

A Prefeitura de Ponta Grossa, por meio da Fundação de Assistência Social (FASPG), esteve representada em Brasília, nesta semana, em evento promovido pelo Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, como primeiro passo para viabilizar a implementação da Estratégia Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional nas Cidades – Alimenta Cidades, do Governo Federal.

“Ponta Grossa mais uma vez vai atrás de alternativas para melhorar a vida das pessoas, buscando ampliar a segurança alimentar para as famílias. Teremos a orientação do Governo Federal para traçar estratégias para combater a fome, bem como conseguiremos recursos para esta finalidade futuramente. Nunca podemos esquecer que o desenvolvimento econômico de um município está atrelado ao desenvolvimento social e a promoção da cidadania, através da garantia de direitos para que mais precisa”, disse a prefeita Elizabeth Schmidt.

A presidente da FASPG, Tatyana Belo, aponta que a agenda serviu para que juntamente com os municípios, fosse construído um processo de governança interfederativo, intersetorial, coletivo e participativo para o combate a fome.

“O Alimenta Cidades é um Programa que atuará na adoção de ações e programas que possibilitem o acesso, a oferta e a disponibilidade de alimentos saudáveis para a população mais vulnerabilizada, ao qual Ponta Grossa fez a adesão, com outros 59 municípios do Brasil, sendo elencada como uma das cidades prioritárias para a estratégia”, disse Tatyana, que destacou que o evento serviu para organização, implementação, apoio e avaliação da política de segurança alimentar e nutricional, em Ponta Grossa.

A Estratégia Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional nas Cidades – Alimenta Cidades foi instituída com o objetivo de ampliar a produção, o acesso, a disponibilidade e o consumo de alimentos adequados e saudáveis, priorizados os territórios periféricos urbanos e as populações em situação de vulnerabilidade e risco social.

O MDS, o Ministério do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (MDA) e o Ministério das Cidades (MCID), em atuação conjunta e articulada, propõem-se a estimular e apoiar, nas cidades prioritárias definidas, em um conjunto de ações integradas e coordenadas com vistas a atuar nos principais desafios da agenda alimentar urbana e periurbana.

Tatyana relata que os municípios terão junho para indicar qual pasta ficará responsável como referência do programa. Em Ponta Grossa, o assunto será levado para discussão na Câmara Interministerial de Segurança Alimentar e Nutricional (CAISAN) para esta definição.

“Contaremos com apoio técnico de três ministérios para organizar a política de segurança alimentar. Neste primeiro momento não haverá repasse de recursos, mas os municípios que já aderiram, terão prioridade de recursos futuros”, finaliza a presidente da FASPG.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários