Terça, 05 de Março de 2024
18°

Chuva

Ponta Grossa, PR

Dólar
R$ 4,95
Euro
R$ 5,37
Peso Arg.
R$ 0,01
Dinheiro Economia

Com leve queda, custo médio da cesta básica chega R$ 863,97 em PG

O item que mais aumentou foi o condicionador com 7,48% e o de maior queda foi o macarrão com 13,87%

08/02/2024 às 09h35
Por: Redação Fonte: UEPG
Compartilhe:
Reprodução/Freepik
Reprodução/Freepik

O custo médio da Cesta Básica (compras online) de Ponta Grossa teve uma queda de 0,75% no mês de janeiro. A compra dos 33 produtos que compõem a Cesta passou a custar R$ 863,97 na primeira semana do mês de fevereiro de 2024, desses, 12 caíram, 18 subiram e 3 mantiveram seu preço. O item que mais aumentou foi o condicionador com 7,48% e o de maior queda foi o macarrão com 13,87%.

Dos cinco grupos que compõem a Cesta Básica, o que apresentou maior queda em seus valores foi o grupo Carne com 2,14%, colaborando para a queda no preço da mesma.

A pesquisa caracteriza o consumo básico de alimentação, higiene e limpeza de famílias com 3 membros em média, com renda de 1 a 5 salários mínimos e residentes em Ponta Grossa.

O Índice Cesta Básica (ICB) não deve ser confundido como aferidor de inflação, além de ser exclusivo para representar as comprar efetuadas pelo sistema delivery dos supermercados ponta-grossenses.

Variação de preços no mês de janeiro

O índice do mês de janeiro de 2024 corresponde ao período da primeira semana do mês de janeiro com a primeira semana do mês de fevereiro, apresentando uma variação mensal com uma queda de 0,75%.

Observam-se as seguintes variações mensais nos grupos:

- Grupo Alimentação Geral: teve uma queda de 1,02%, e dentro deste, o feijão foi o produto responsável pela maior variação positiva de 4,61% e o macarrão o item de maior variação negativa com 13,87%.
- Grupo Hortifrutigranjeiro: com uma queda de 0,06% e dentro deste grupo, o produto de maior variação positiva foi a cebola com 6,13%, e a banana com maior variação negativa com 7,19%.

- Grupo Carne: teve uma queda de 2,14% e dentro deste, a carne bovina apresentou a maior variação positiva com 1,10% e o frango a maior variação negativa com 8,92%.
- Grupo Higiene: com um aumento de 0,97%, e dentro deste, o produto que apresentou a maior variação positiva foi o condicionador com 7,48% e o creme dental com maior variação negativa de 4,11%.

- Grupo Limpeza: teve uma queda de 0,18% e dentro deste, o produto de maior variação positiva foi o detergente com 2,52% e o produto de maior variação negativa foi o amaciante com 2,24%.

Analisando-se as variações aferidas anteriormente, conclui-se que: - Grupo que mais aumentou: Higiene 0,97%

- Produto de maior elevação: Condicionador 7,48% - Grupo de maior queda: Carne 2,14%

- Produto de maior queda: Macarrão -13,87%

A equipe de pesquisadores do Departamento de Economia – UEPG apresenta o índice da Cesta Básica de Ponta Grossa que afere os preços das compras realizadas por meio do serviço de delivery dos supermercados, ou seja, caracterizando as compras online no respectivo

período dos levantamentos, tendo ainda, como base, a Pesquisa de Orçamento Familiar (POF) de 2016.

Valores percentuais

Verificando-se que o valor da Cesta Básica (preços online) é de R$ 863,97 e o salário mínimo de R$1.412,00 conclui-se que:

Uma família com renda mensal de apenas um salário mínimo gastaria cerca de 61,19% de sua renda, pois a atual renda seria suficiente para adquirir a mesma cesta básica apresentada.

Relacionando-se famílias de dois, três, quatro e cinco salários mínimos, observa-se que, para a aquisição da Cesta Básica, despenderiam respectivamente de 30,59%; 20,40%; 15,30%; e 12,24% de sua renda.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários