Terça, 16 de Abril de 2024
21°

Chuva

Ponta Grossa, PR

Dólar
R$ 5,27
Euro
R$ 5,60
Peso Arg.
R$ 0,01
Dinheiro Decoração

É primavera no décor: saiba como inserir as plantas em cada tipo de ambiente

Confira as dicas da paisagista Andréa Vianna e mais seis projetos para se inspirar

28/09/2023 às 16h39
Por: Redação Fonte: Das assessorias
Compartilhe:
Divulgação
Divulgação

A primavera se faz presente no mundo do décor, trazendo por meio das plantas um belo toque de vida para os projetos. Para quem deseja incorporar esse frescor verde em seus espaços residenciais ou corporativos, a experiente paisagista Andréa Vianna compartilha dicas valiosas. A escolha cuidadosa de espécies adaptáveis aos ambientes internos, considerando a iluminação de cada local, é o primeiro passo.

“A proximidade das plantas com as janelas faz toda a diferença. Quanto mais luz, mais opções de espécies e maior a chance de sucesso no cultivo”, explica a especialista. No entanto, mesmo em condições menos luminosas, ela afirma que é possível criar um oásis verde, embora as opções de espécies sejam um pouco mais limitadas.

A escolha de vasos proporcionais ao crescimento das plantas é outro fator fundamental para o seu desenvolvimento saudável. Além disso, a paisagista ressalta a importância da drenagem adequada, do substrato correto (ela recomenda os compostos) e da adubação regular para manter a exuberância das verdinhas ao longo do ano. 

Seguindo essas dicas, é possível ter um jardim interno cheio de vida, deixando os espaços mais belos e promovendo bem-estar a quem os frequenta. Para inspirar, selecionamos seis projetos que exploram as plantas nos mais diversos ambientes – da cozinha ao escritório. Confira:

Sala

Nesta sala, as plantas – dois clássicos dos ambientes internos: Bambu da Sorte e Pau D’água – foram posicionadas nos cantos do ambiente, próximas às janelas, a fim de garantir a claridade necessária para o pleno desenvolvimento das espécies. Além do toque de verde natural, a arquiteta Amanda Mello apostou em um tapete colorido da Botteh Handmade Rugs para trazer ainda mais vida ao espaço social. 

 

Cozinha

Esta residência foi projetada para se integrar ao exuberante bosque que a circunda. Além das soluções arquitetônicas que causam a sensação de que o verde externo fazer parte da própria casa, o arquiteto Luiz Volpato optou por incluir as plantas dentro dos ambientes. O interessante é que ao preencherem a cozinha - que conta com vasos de samambaia e filodendro - elas se integram a paisagem de fundo, tornando a vista ainda mais encantadora. 

 

Quarto

A arquiteta Larissa Loh desenhou os móveis sob medida, que foram executados pela Gava Ambientes Completos, considerando a funcionalidade e a estética deste quarto. As estantes foram adornadas não somente com objetos de decoração, mas também com plantas. As espécies escolhidas são ideais para o espaço íntimo. Segundo um estudo da NASA, as heras são purificadoras de ar. Já de acordo com a aromaterapia, o perfume dos lírios tem a função terapêutica de acalmar, harmonizar e revigorar – sensações perfeitas para o local de descanso.

 

Escritório

Neste escritório, a vista para a área verde ganha protagonismo. Diante da paisagem, o tom industrial do projeto confere uma estética mais sóbria, moderna e sofisticada ao espaço corporativo. Para proporcionar mais conforto visual ao ambiente predominantemente cinza, Alessandra Gandolfi aposta em um painel madeira no teto. As plantas, colocadas pela arquiteta sobre a mesa e na estante, funcionam como um ponto de cor que promove aconchego no local de trabalho.

 

Jardim Vertical

O jardim vertical se tornou o queridinho dos apaixonados por plantas! Nesta sala, Cristina da Luz cria uma composição única. A designer combina diversas folhagens com o MDF da Sudati, tirando proveito do amplo pé direito duplo. Como resultado, um espaço para os moradores desfrutarem de momentos de conexão, apreciando a beleza das plantas e a sofisticação do projeto. 

 

Jardim Horizontal

O jardim horizontal também é uma opção! Neste projeto assinado por Debora Aguiar, os 100 m² são permeados por plantas. Todas as laterais do “Green Lounge”, um amplo espaço integrado, recebem toques de verde. A arquiteta preza pela naturalidade também nas texturas, como a pedra natural. A lareira em mármore da NPK Mármores, combinada ao jardim horizontal, arremata a proposta de organicidade com uma imponência ímpar.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários