Terça, 05 de Março de 2024
18°

Chuva

Ponta Grossa, PR

Dólar
R$ 4,95
Euro
R$ 5,37
Peso Arg.
R$ 0,01
Ensino Sessão solene

Conselho da UEPG entrega título de Doutor Honoris Causa a Aliel Machado

Na noite desta sexta-feira (01), o Conselho Universitário da Universidade Estadual de Ponta Grossa (COU-UEPG) concedeu o título de Doutor Honoris Causa ao Deputado Federal Aliel Machado Bark

01/12/2023 às 20h50 Atualizada em 04/12/2023 às 10h32
Por: Redação Fonte: UEPG
Compartilhe:
Foto: Reprodução/UEPG
Foto: Reprodução/UEPG

Reconhecimento e emoção. Na noite desta sexta-feira (01), o Conselho Universitário da Universidade Estadual de Ponta Grossa (COU-UEPG) concedeu o título de Doutor Honoris Causa ao Deputado Federal Aliel Machado Bark. A cerimônia foi marcada pela defesa contundente da ciência.

“Dedico este título aos milhões de adolescentes das periferias da nossa cidade, estado e país”. Emocionado, o parlamentar agradeceu a deferência do Conselho Universitário. Para ele, ter seu trabalho reconhecido pela UEPG, que ele considera uma referência no cenário regional e nacional, é motivo de orgulho. “Reconheço que esta alegria é fruto de um esforço coletivo de intuição, sabedoria e trabalho. Fico muito feliz em ver muitas destas pessoas aqui, nesta noite. Nossas contribuições não traduzem a grandeza de espírito e coragem de propor este título. Desejo uma universidade de inclusão, imersa na sociedade onde está inserida e os avanços que a UEPG alcança mostram este projeto em funcionamento”, enfatizou.

O reitor da UEPG, professor Miguel Sanches Neto, falou sobre a trajetória do deputado, que saiu da periferia de Ponta Grossa e ganhou representatividade nacional como um dos mais atuantes deputados federais. “Sem grupos econômicos, sem patrocínio dos meios de comunicação, tendo que fazer política enquanto ajudava a sustentar a família e estudava, Aliel Machado colocou toda a sua energia a serviço das mais importantes pautas democráticas, algumas que são os pilares da universidade”, enalteceu. “A defesa da ciência e da cultura. O acesso à saúde pública de qualidade. A valorização dos profissionais do ensino e da saúde. A defesa do meio ambiente. Os direitos da pessoa idosa. A geração de renda pela qualificação dos trabalhadores”. Qualquer uma das pautas enumeradas pelo reitor seriam motivo para a concessão do título honoris causa, segundo ele, mas a honraria vai muito além disso. “Reconhecer a sabedoria além dos muros da academia é uma forma de afirmar uma universidade efetivamente plural”.

Do francês parler, a palavra “parlamento” remete ao ato de falar, conversar, dar voz. E a ação do parlamentar cumpre essa função, de dar voz a importantes pautas, segundo o vice-reitor da UEPG, professor Ivo Mottin Demiate. “Ele faz da sua a voz de muitos, em defesa da educação e da ciência, pilares do ensino superior público. Ao ajudar a sustentar tais pilares, reforçá-los e ampliá-los com suas palavras e ações, Aliel Machado é merecedor da honraria que este Conselho hoje lhe outorga”, enfatiza.

A ocasião também marca a reinauguração do Grande Auditório, que foi revitalizado. O espaço, que abriga dezenas de eventos científicos, culturais e sociais todos os anos, recebeu nova pintura, revestimentos, cortinas e identidade visual, financiados pela Fundação de Apoio ao Desenvolvimento Institucional, Científico e Tecnológico da UEPG (FAUEPG). “Para a Fundação, é um orgulho e meta poder apoiar o desenvolvimento institucional da UEPG, sendo essa a nossa grande finalidade, seja por meio de projetos de pesquisa, ensino e extensão, como também ao dar suporte às atividades especiais de natureza infraestrutural, como a revitalização do Auditório Central, um cartão de visitas da UEPG, onde ocorrem muitos eventos institucionais e que necessitam desta estrutura cada vez mais adaptada às suas diversas utilizações”, valoriza o presidente da FAUEPG, Sinvaldo Baglie.

Honraria justificada

A proposta partiu do Núcleo de Tecnologia e Educação Aberta e a Distância (Nutead), representado pelo professor Carlos Willians Jaques Morais, e foi aprovada pelo Conselho Universitário em 06 de julho. Como explica o professor, o objetivo é enfatizar as atividades legislativas e a atuação do deputado na Comissão de Ciência, Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara (CCTCI) durante a pandemia de Covid-19, em 2021 e 2022. Além disso, a honraria reconhece a defesa da ciência, em especial no momento de crise sanitária.

No seu discurso no momento solene, o professor Carlos, que assumiu a função de paraninfo da sessão, destacou a relação do deputado com a UEPG. “Daqui para frente, o nome de Aliel Machado Bark estará para sempre vinculado ao nome da Universidade Estadual de Ponta Grossa”, declara. “Uma honraria para ambos, mas também uma grande responsabilidade para que possamos continuar com a nossa missão de elevar o nome de nossa instituição por meio da ciência, da cultura e dos valores que fazem com que toda a nossa sociedade seja mais democrática e justa”.

Foto: Reprodução/UEPG
Foto: Reprodução/UEPG

Em documento oficial protocolado ao Conselho, o professor Carlos justificou a importância de se defender a ciência, frente a uma postura negacionista que ganhava força no Brasil em meio a uma dura pandemia. “Além dos profissionais da saúde e de outras classes de trabalhadores e trabalhadoras, também tivemos atores políticos que merecem todo o reconhecimento da sociedade”, destaca. E um destes defensores da ciência é o Deputado Aliel Machado. “Desde 2014, o Deputado Aliel Machado tem desempenhado uma atuação parlamentar combativa e propositiva em frentes políticas importantes para toda a sociedade brasileira”, assinala a justificativa oficial. “Contudo, entendemos que a presente honraria que postulamos ocorre pelo reconhecimento ao primoroso trabalho realizado entre os anos de 2020 a 2022”.

Nesse período, o Deputado atuou em frentes parlamentares em defesa do fortalecimento da Educação Pública e do Sistema Único de Saúde, foi vice-presidente da Comissão de Educação da Câmara e protocolou diversos projetos, proposições, manifestações e requerimentos neste sentido. Em 2021, assumiu a presidência da CCTCI. “Suas ações durante o período da pandemia foram muito importantes para que a tragédia social e sanitária que vivemos não viesse a se tornar ainda maior”, enfatiza o documento.

As emendas parlamentares impostas e empenhadas no setor da saúde integram a justificativa do pedido, com destaque para os recursos destinados ao fortalecimento e ampliação das estruturas do Hospital Universitário da UEPG.

Honoris Causa

Foto: Reprodução/UEPG
Foto: Reprodução/UEPG

Doutor Honoris Causa, expressão latina que significa “por causa de honra”, é um título atribuído a personalidades eminentes, de projeção nacional ou internacional. Regulamentada pelo artigo 122 do Estatuto da UEPG e voltada para personalidades que se distinguem pelo saber e por sua atuação em prol da Ciência, da Cultura e da Saúde, é a outorga mais importante concedida pela Universidade e aprovada em sessão do Conselho Universitário.

Essa é a segunda vez na história da UEPG que o Conselho concede o título de Doutor Honoris Causa. O primeiro homenageado foi o ministro do Supremo Tribunal Federal, Luiz Edson Fachin, em 15 de agosto de 2016, durante o 7º Simpósio Jurídico dos Campos Gerais. O evento foi promovido pelo Setor de Ciências Jurídicas (Secijur) da UEPG, Centro Acadêmico Carvalhos Santos (Cacs) e Universidade do Norte do Paraná (Unopar/Ponta Grossa). A medalha e o diploma foram entregues pelo reitor à época, Carlos Luciano Sant’Ana Vargas, pela vice-reitora Gisele Alves de Sá Quimelli, e pelo secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Carlos Gomes.

Biografia

Aliel Machado Bark nasceu em Ponta Grossa, Paraná, em 26 de fevereiro de 1989. Filho da dona Sueli Machado (dona de casa) e do Sr. Ali Nayef Bark (metalúrgico). De família humilde, sem ligação com a política, Aliel carregou sacolas na feira e foi engraxate na infância.

A carreira política de Aliel Machado iniciou no movimento estudantil, ainda na adolescência. Aliel coordenou manifestações relacionadas ao transporte público, atuou como coordenador regional na Paraná Esportes, ligada à Secretaria de Esportes do Estado. Em 2008, candidatou-se ao cargo de vereador pela primeira vez e, quatro anos depois, foi eleito e se tornou presidente da Câmara Municipal – o mais jovem a ocupar o cargo. Com 82.886 votos, no ano de 2014 foi eleito deputado federal, com reeleição em 2018 e 2022. Foi premiado com o primeiro Prêmio Getúlio Vargas; defendeu o Piso Nacional da Enfermagem, o Piso do Magistério e dos Agentes Comunitários de Saúde e de Endemias. Entre 2021 e 2022, Aliel presidiu a CCTCI, uma das mais importantes da Câmara. Atualmente, no seu terceiro mandato como deputado federal, Aliel preside a Comissão em Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (Cidoso) na Câmara Federal.

Presenças

Além das autoridades universitárias e membros do Conselho Universitário da UEPG, prestigiaram o evento o Diretor Geral da Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti), Michel Jorge Samaha; o reitor em exercício da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), professor Gilmar Ribeiro de Mello; o reitor da Universidade Estadual do Norte do Paraná (Uenp), professor Fábio Antonio Neia Martini; reitor da Unicentro, Fábio Hernandes; o deputado estadual Luiz Cláudio Romanelli; deputado federal Toninho Wandscheer; Péricles de Mello; os prefeitos de Imbaú, Dayane Sovinski, Pirai do Sul, Henrique de Oliveira Carneiro; Pato Branco, Robson Cantu; União da Vitória, Bachir Abbas; Tunas do Paraná, Marco Antônio Baldão; Imbituva, Celso Kubaski; Reservas do Iguaçu, Vitorio Antunes de Paula; Cruz Machado, Antônio Luís Szaykowski; Carambeí, Elisangela Pedroso; vice-prefeito de Mangueirinha, Leandro Dorini; Japira, Paulo Morfinati; Ivaí, Orli Camargo de Cristo; Rio Bonito do Iguaçu, Cesar Bovino; Ipiranga, Douglas Modesto; Teixeira Soares, Lula Tomaz; Irati, Jorge Derbil; Rio Bonito do Iguaçu; Imbituva; Ipiranga; Rebouças, Luiz Zak; diretor administrativo da Itaipu Binacional, Iggor Gomes Rocha, diretora do Fórum Noeli Reback . Todos os pró-reitores da UEPG estiveram presentes na cerimônia, assim como a diretora do Hospital Universitário da UEPG, Fabiana Mansani.

Foto: Reprodução/UEPG
Foto: Reprodução/UEPG
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários