Quinta, 11 de Agosto de 2022
11°

Pancada de chuva

Ponta Grossa - PR

Dólar
R$ 5,09
Euro
R$ 5,25
Peso Arg.
R$ 0,04
Digitalização

Discoteca da Rádio Educativa vai para o MIS

O acervo de pouco mais de 35 mil discos de vinis e CDs que estão na sede da Rádio Educativa FM, no Canal da Música, em Curitiba, vão ser transferid...

30/06/2022 às 17h30 Atualizada em 30/06/2022 às 17h35
Por: Redação Fonte: Secom Paraná
Compartilhe:
Foto: Radio Educativa
Foto: Radio Educativa

O acervo de pouco mais de 35 mil discos de vinis e CDs que estão na sede da Rádio Educativa FM, no Canal da Música, em Curitiba, vão ser transferidos para o MIS (Museu da Imagem e do Som do Paraná) , onde o material vai receber tratamento e armazenamento especializado para uma melhor conservação. Também vai ser digitalizado a fim de proporcionar maior acesso do público a este acervo histórico.

O material histórico e representativo da música brasileira, com algumas relíquias, como todos os vinis de Gilberto Gil, Caetano Veloso, e de muitos paranaenses, é fruto da doação de colecionadores e de divulgação de gravadoras.

Segundo a diretora do MIS, Mirele Camargo, os vinis e CDs, muitos deles raros, vão complementar o acervo do Museu. “Este material já está em processo de tombamento e tem uma importância histórica para o Paraná. No MIS, ele vai receber climatização para controle da temperatura e umidade. E também ficará disponível para pesquisadores, universitários e músicos”, disse.

“É um acervo com raridades, como o primeiro disco de Chico Buarque em italiano, Elis Regina cantando boleros e as primeiras produções de Luís Melodia e Tim Maia. No MIS esse acervo vai receber cuidados para que essas relíquias se mantenham vivas por muitos anos”, complementa Rudson Weber, diretor da Rádio Educativa do Paraná.

MEMÓRIA– O Museu da Imagem e do Som do Paraná é o segundo mais antigo do tipo no Brasil e tem como principal finalidade preservar, conservar e divulgar a memória audiovisual do Estado.

Criado em fevereiro de 1969, possui o maior acervo do gênero no País, com mais de 3 milhões de itens, entre discos de vinil, fotografias, negativos fotográficos de acetato e em suporte de base de vidro, depoimentos, fitas de áudio, fitas cassete, documentos e filmes (em 8mm, 16mm e 35mm, VHS e DVD).

Também conta com mais de cem equipamentos como rádios, radiolas, moviolas, câmeras fotográficas e projetores, e com uma biblioteca com mais de 2 mil itens, como livros e periódicos sobre cinema, fotografia, memória e áreas relacionadas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários