Domingo, 03 de Julho de 2022
12°

Poucas nuvens

Ponta Grossa - PR

Ponta Grossa Nota PG

Prefeitura de Maringá busca informações sobre Nota PG e pagamentos de tributos por PIX

Ferramentas utilizadas em Ponta Grossa poderão ser implementadas pela maior cidade do noroeste do estado

23/06/2022 às 17h53 Atualizada em 23/06/2022 às 17h57
Por: Redação Fonte: Divulgação/PMPG
Compartilhe:
Foto: Divulgação/PMPG
Foto: Divulgação/PMPG

Representantes da Secretaria da Fazenda do município de Maringá estiveram nesta quinta-feira (23), na Prefeitura de Ponta Grossa para entender mais sobre as ferramentas Nota PG e pagamento de tributos por PIX. Modelo para cidades da região, a cidade auxilia o município do noroeste do Paraná a implementar as iniciativas que facilitam a vida do cidadão e premia quem auxilia a administração na justiça fiscal e na cultura do munícipe em pedir a nota de serviços.

Participaram da reunião com o secretario Cláudio Grokoviski, o superintendente da Fazenda da Prefeitura de Maringá, Willian Sergio Carmona que estava acompanhado da gerente de controle tributário Fernanda Arruda Silva Cremoneis. "Foi muito importante entender o funcionamento do Nota PG, pois é um programa que atua não apenas na possibilidade de incremento da arrecadação municipal, mas também na justiça fiscal, educando o cidadão a pedir nota fiscal em serviços, criando um hábito sadio na população. Em relação ao PIX para o pagamento de tributos e taxas municipais, entendemos que é uma comodidade para o contribuinte", disse Carmona.

Grokoviski destacou que o Nota PG segue a linha da justiça fiscal que busca aumentar a arrecadação do município sem aumentar as alíquotas de impostos já existentes, mediante incentivo aos cidadãos para que faça a adesão ao Programa e solicitem a emissão de notas fiscais para todos os serviços tomados de empresas do Município, gerando cupons para participar do sorteio de prêmios ao final de cada exercício. "Tivemos um aumento de 20,43% no número de notas fiscais emitidas em 2021 em comparação com o ano de 2020 e de 24,72% quando comparado o período de janeiro a maio de 2021 e 2022, o que demonstra uma redução na sonegação fiscal quanto aos prestadores de serviço na cidade", conta.

O secretário que discorreu também sobre as facilidade e vantagens para o munícipe do pagamento por PIX de qualquer tributo ou taxa municipal, como também, comentou sobre o Programa IPTU Premiado, que já serve de exemplo para municípios como Carambeí, Piraí do Sul e Tibagi. "A Prefeitura de Ponta Grossa realiza um trabalho que coloca em primeiro lugar o interesse dos cidadãos, tanto na justiça fiscal, promovendo a concorrência leal entre as empresas em igualdade de condições, bem como oferecer aos munícipes o acesso digital a serviços disponibilizados pelo Município.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários