Quinta, 11 de Agosto de 2022
11°

Pancada de chuva

Ponta Grossa - PR

Dólar
R$ 5,09
Euro
R$ 5,25
Peso Arg.
R$ 0,04
Nova plataforma

Empreendedores de Tibagi podem solicitar capacitação através de plataforma do Governo Federal

SuperTec, vinculado ao Ministério da Economia, é uma forma de direcionar a qualificação profissional através de demandas específicas de empresas cadastradas neste sistema

01/06/2022 às 14h17
Por: Redação Fonte: Divulgação/Assessoria de Comunicação Prefeitura de Tibagi
Compartilhe:
Imagem: João Pedro Agostinho/ASCOM Pref. Tibagi
Imagem: João Pedro Agostinho/ASCOM Pref. Tibagi

A Prefeitura de Tibagi, através da Secretaria de Indústria, Comércio e Emprego, informa que está disponível uma nova opção para que as micro e pequenas empresas do município possam melhorar a capacitação dos seus funcionários.

A SuperTec, plataforma do Governo Federal vinculado ao Ministério da Economia, tem o objetivo de direcionar a qualificação profissional através de demandas específicas de empresas cadastradas neste sistema.

Na nova plataforma do programa, a empresa cadastra a sua necessidade (tanto de novos quadros como de requalificação dos atuais funcionários), acompanha online se a sua demanda foi contemplada e fica sabendo se a sua demanda foi contemplada. Tudo isso de forma totalmente gratuita para empresas e alunos.

Atualmente, Tibagi possui três cursos pré-aprovados para serem solicitados pelas empresas: informática e matemática; instalação, montagem, reparação e manutenção; e têxtil.

Se a sua empresa se interessou pela plataforma, basta acessar o site http://www.supertec.gov.br/Portal e realizar o cadastro da empresa e o cadastro da demanda. No caso de dúvidas, procurar a Agência do Trabalhador de Tibagi, que fica na rua Bráulio Bueno de Camargo, nº 620, no centro. Horário de atendimento: 08h às 16h (sem intervalo de almoço). Telefone: (42) 3275-3455.

Texto: Assessoria de Comunicação Prefeitura de Tibagi
Fotos: João Pedro Agostinho/ASCOM Pref. Tibagi

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários