24 de setembro de 2021

(42) 99838-3791

Últimas notícias

Fortalecimento da rede pública de saúde é uma das metas da Professora Elizabeth

 Fortalecimento da rede pública de saúde é uma das metas da Professora Elizabeth

Ela propõe a criação do programa Saúde na Hora, com atendimento estendido até às 22 horas e sistema para consultas médicas por aplicativo

Das assessorias

Os investimentos na saúde nos últimos anos garantiram a melhoria do serviço prestado à população através do SUS, especialmente nos bairros e vilas da cidade. Contando atualmente com 54 Unidades Básicas de Saúde (UBS) divididas pelas regiões da cidade para atender todos os bairros e localidades, a área da Saúde recebeu pesados investimentos nos últimos anos, garantindo a reestruturação do atendimento à população. Além de reformas, ampliações e construções de novas UBS, também foram realizados investimentos em novas contratações de pessoal e equipamentos. 

Para garantir que o serviço chegue a cada vez mais pessoas, a professora Elizabeth (PSD) propõe fortalecimento da rede pública de saúde em duas frentes: o programa Saúde na Hora, com atendimento estendido até às 22 horas em unidades de saúde estratégicas; e implantação de sistema para consultas médicas por aplicativo, tendo o suporte dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) para os cidadãos que não tiverem aparelhos ou acesso à internet.

“Sabemos da importância de investir e ampliar o atendimento na área da saúde, uma das reivindicações que temos ouvido da população. Depois de diversos investimentos na parte estrutural, agora vamos fortalecer essa rede. Queremos garantir que o atendimento da atenção primária seja prestado até às 22 horas em algumas unidades mais estratégicas, com estrutura de raio-x e ultrassom. Além disso, através da telemedicina, poderemos levar os serviços clínicos a qualquer região da cidade, ampliando o acesso ao atendimento e ultrapassando as barreiras dos consultórios”, avalia ela. 

O programa Saúde na Hora com atendimento estendido será implantado em UBS estratégicas, conforme a demanda. Nos últimos anos, foram entregues seis superpostas, reforma e ampliação de 28 unidades e reabertas UBS da zona rural, que estiveram fechadas anteriormente. Também houve ampliação das Equipes de Saúde da Família (ESF), que passaram de 37 para 80 ESF, ampliando o público atendido pela saúde pública de 148 mil para 280 mil pessoas.

Informações e imagens: Divulgação/Assessoria

Digiqole ad

Notícias Relacionadas