Estudantes da UEPG discutem aspectos médicos e legais da Cannabis medicinal

 Estudantes da UEPG discutem aspectos médicos e legais da Cannabis medicinal

Simpósio ‘Cannabis Medicinal – Aplicações Médicas, Experiências e Aspectos Legais no Brasil’ acontece de 26 a 29 de abril

Das assessorias

Acadêmicos dos cursos de Medicina e Direito da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) organizam, dos dias 26 a 29 de abril, o simpósio ‘Cannabis Medicinal – Aplicações Médicas, Experiências e Aspectos Legais no Brasil’. O encontro busca compreender a necessidade dos tratamentos com canabidiol e sua legalidade para uso no país.  O evento é de iniciativa da Federação Internacional das Associações dos Estudantes de Medicina do Brasil (IFMSA) – comitê UEPG; Liga de Psiquiatria e Saúde Mental (LPSM); e Centro Acadêmico Carvalho Santos (Cacs).

O primeiro dia terá Ailane Araújo, para falar sobre Cannabis medicinal – aplicações verdades e mitos. No dia 27, Luís Guilherme Labinas palestra sobre os benefícios do tratamento com canabidiol em pacientes psiquiátricos. O dia 28 será reservado a roda de conversa, com relatos de experiências de pacientes que usam cannabis medicinal. No último dia, Paulo Fernando Pinheiro conversa sobre o contexto legal do uso da cannabis medicinal no Brasil.

O secretário de relações do Cacs, Gustavo Zem, ressalta que é importante valorizar o conhecimento sobre a Cannabis medicinal, pois quebra tabus sobre o tratamento com canabidiol e atinge o interesse do avanço da medicina no Brasil. “Será um evento esclarecedor, por contar com ótimos profissionais, e que enriquecerá o entendimento de todos que acompanharem”.

De acordo com a acadêmica de medicina e integrante do LPSM, Yasmim Bricks, o uso da Cannabis na prática médica é polêmico e muitas pessoas desconhecem sobre o tema. “Achamos muito relevante trazer essa imersão para os alunos, já que pouco se trabalha com essa realidade na grade curricular”. Ainda segundo Yasmin, é raro encontrar um médico que prescreva canabidiol, e as aplicações do cenário legal também são pouco debatidas. “Principalmente nesse momento em que há muita informação (poucas realmente embasadas) sobre tudo, inclusive medicina e medicamentos, é importante fazer essa reflexão com os estudantes, futuros profissionais da saúde”, finaliza.

O evento é gratuito e iniciará às 19h do dia 26. Interessados devem se inscrever no formulário online.

Informações e imagens: Divulgação/UEPG

Digiqole ad

Notícias Relacionadas