Casal tenta fugir e quase atropela guarda municipal na Vila Rio Branco

 Casal tenta fugir e quase atropela guarda municipal na Vila Rio Branco

Na operação, foram apreendidos 6 kg de drogas, parte foi jogada pela janela do carro durante a perseguição e recuperada pelos agentes

Das assessorias

A Guarda Civil Municipal, órgão vinculado à Secretaria Municipal de Cidadania e Segurança Pública (SMCSP), apreendeu mais de 6 quilos de drogas em um ação na região de Uvaranas. A ocorrência foi registrada na noite de ontem (12) e resultou na prisão de duas pessoas. 

De acordo com informações da SMCSP, a situação teve início durante patrulhamento promovido pela equipe Getam – Alpha – da GCM nas proximidades da vila Rio Branco, onde os dois ocupantes de um veículo Fiat Palio, investiram contra a equipe ao perceberem a aproximação da GCM, que quase teve um dos agentes atropelado pelos suspeitos quando tentava realizar a abordagem. 

Diante da situação, foi iniciado o acompanhamento tático dos indivíduos, que arremessaram uma sacola de cor verde pela janela do passageiro durante a perseguição.

Segundo relatório da GCM, agentes prosseguiram no encalço dos suspeitos e lograram êxito em promover a abordagem do veículo na Rua Doralicio Correia, onde a equipe verificou um casal identificado como sendo R. S e V.I.S no interior do automóvel.

Em buscas pessoais,  nada de ilícito foi localizado. No entanto, embaixo do banco do passageiro do veículo a equipe encontrou cerca de 100 gramas de substância análoga a maconha.

Ainda durante a situação, a equipe voltou ao local onde foi visualizado o arremesso da sacola anteriormente e localizou cerca de 5,480 kg de substância análoga a maconha, 90 gramas de substância análoga a cocaína, 50 gramas de substância análoga a haxixe, 300 gramas de substância análoga a crack e 10 comprimidos de substância análoga a ecstasy. No total, foram apreendidos mais de 6 quilos de drogas. 

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão aos envolvidos, lidos seus direitos constitucionais e realizado encaminhamento à  autoridade policial para apreciação dos fatos. 

Informações e imagens: Divulgação/PMPG

Digiqole ad

Notícias Relacionadas