25 de setembro de 2021

(42) 99838-3791

Últimas notícias

Área de enfermagem do aplicativo de telessaúde do Estado será coordenada pela UEPG

 Área de enfermagem do aplicativo de telessaúde do Estado será coordenada pela UEPG

O novo aplicativo de telessaúde foi desenvolvido pela Techtools Health Innovation, com o apoio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa)

Das assessorias

A Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) foi designada para coordenar o serviço de enfermagem do aplicativo Saúde Online Paraná, desenvolvido pelo Governo do Estado para prevenir e combater a pandemia da Covid-19. O aplicativo utiliza um sistema de Inteligência Artificial que facilita o acesso de pacientes a consultas médicas virtuais.

O novo aplicativo de telessaúde, lançado no dia 5 de novembro, foi desenvolvido pela Techtools Health Innovation, a partir de uma demanda da Superintendência Geral e Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná (Seti), com o apoio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). A ferramenta possibilita atendimento individual por meio de teleconsultas com médicos, enfermeiros e psicólogos. A coordenação geral do trabalho oferecido pelo app será da Universidade Estadual de Londrina, com professores e pesquisadores do Centro de Ciências da Saúde (CCS), com larga experiência em ações de Telemedicina.

A Chefe do Departamento de Enfermagem e Saúde Pública Carla Luiza da Silva, explica como se deu o convite para UEPG e as suas atribuições no serviço. “A UEPG ficou responsável pelos bolsistas acadêmicos e professores bolsistas no aplicativo de telessaúde do Estado. Houve o convite da Seti para que eu e mais três professores fôssemos os coordenadores para ajudar na organização do trabalho de vinte alunos e seis professores, para que eles consigam atuar conforme os protocolos de atendimento da plataforma”, aponta.

A professora Carla também destaca a importância da ferramenta para manter o isolamento social e o alcance do aplicativo no Paraná. “Este app foi muito importante desde o começo da pandemia, pois possibilitou que as pessoas conseguissem manter o isolamento social durante a fase crítica. Já foram realizados 21.974 atendimentos, 10.380 consultas médicas e 606 atendimentos psicológicos. A ferramenta realiza avaliação do usuário por inteligência artificial, orientações, acompanhamento dos usuários por alunos e professores, bem como avaliação médica por vídeo, notificação dos casos e atendimentos dos psicólogos e isso ajuda a combater mais casos”, completa.

Funcionamento do aplicativo

No Saúde Online Paraná será possível acessar informações sobre o novo coronavírus e receber atendimento de profissionais da saúde com plantão 24 horas, com orientações relacionadas à Covid-19 e outras doenças. A plataforma localiza as unidades de saúde mais próximas do paciente e fornece informações para atendimento. Depois do cadastro, os pacientes passam por uma triagem rápida e selecionam uma das seguintes opções: Suspeita de Covid-19; Retorno de Covid-19 positivo; e Contato com Covid-19 positivo. Quem for cadastrado no aplicativo pode incluir os familiares que não possuem dispositivos móveis com acesso à internet. De acordo com o resultado da triagem, o paciente pode ser encaminhado para uma unidade de pronto atendimento ou realizar uma consulta remota com os médicos da plataforma, no período de 8 às 23 horas, diariamente. 

A equipe que atuará na prestação dos serviços ofertados pelo aplicativo será composta por 20 estudantes de graduação da área de saúde, seis enfermeiros e oito médicos das sete Universidades Estaduais (UEL, UEM, UEPG, Unioeste, Unicentro, UENP e Unespar).

Usuários cadastrados no aplicativo poderão incluir familiares que não possuem dispositivos móveis com acesso à Internet. Depois de se cadastrarem cadastro, os pacientes passam por uma triagem rápida, selecionando as seguintes opções: Suspeita de Covid-19; Retorno de Covid-19 positivo; e Contato com Covid-19 positivo. As consultas são realizadas pelo próprio aplicativo, por meio de Teleconsulta.

Para fazer download do aplicativo, clique aqui.

Informações e imagens: Divulgação/Assessoria UEPG

Digiqole ad

Notícias Relacionadas