ACIPG convoca população para ir às urnas neste domingo (29)

 ACIPG convoca população para ir às urnas neste domingo (29)

Preocupada com alta abstenção no 1º turno, entidade quer que população compareça em bom número nas urnas no próximo domingo

Das assessorias

A Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa (ACIPG) quer engajar a população ponta-grossense a ir às urnas no próximo domingo (29), na votação do segundo turno das eleições para prefeito. 

A entidade lançou uma campanha para que a abstenção dos eleitores não seja tão grande como foi a registrada no primeiro turno, quando mais de 55 mil eleitores, o equivalente a aproximadamente um quarto dos 220 mil eleitores do município, não votaram. A alta abstenção preocupa a ACIPG, que espera uma participação maior da população nos assuntos políticos do município.

“Enxergamos esse cenário com bastante preocupação, porque a única oportunidade que as pessoas têm de participar da política e decidir o político que ele quer que seja o nosso administrador são as eleições, e o eleitor não participa, não vai. Isto é uma falta de cidadania, eu diria até uma falta de responsabilidade. Poxa, se perder uma hora a cada quatro anos para ir votar, não querer votar e depois reclamar? Qual é a moral que este eleitor tem para reclamar deste ou daquele político se ele não teve a capacidade de ir votar, não saiu de sua comodidade de sair de casa para ir votar, e agora quer reclamar?”, questiona o presidente da ACIPG, Douglas Fanchin Taques Fonseca.

Uma das preocupações alegadas para a ausência nas urnas, os riscos da pandemia da Covid-19, na opinião da entidade, não é motivo para uma abstenção tão grande como a verificada no primeiro turno. A votação, no entendimento da ACIPG, pode ser feita de forma segura e os eleitores não correm riscos. “É muito mais seguro do que se vê em alguns bares, restaurantes, parques de diversão. Eu entendo que essa preocupação da pandemia não justifica”, argumenta o presidente da ACIPG. 

A falta de identificação com as candidatas também não deve ser um empecilho e um motivo para que não se vote, entende Douglas Taques Fonseca. Para o empresário o eleitor deve analisar as candidaturas e ponderar sobre a qual deve optar e participar do processo eleitoral. “Pode até ser que esse eleitor que não quer ir votar não esteja muito contente com as duas candidatas, mas é impossível que ele não consiga distinguir um detalhe de uma que seja melhor que a outra. Analise as pessoas que estão em volta das candidatas, os históricos delas, quem as apoia e então vote”, pondera Fonseca.

O eleitor que não participou da votação no primeiro turno poderá comparecer às urnas no segundo turno normalmente, e a Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa espera que a população participe ativamente do processo eleitoral no próximo domingo. “O que nós queremos é que mais pessoas votem, o máximo possível, porque teremos mais pessoas cobrando os candidatos. Estamos com essa campanha querendo despertar o espírito de cidadania, de responsabilidade do nosso povo, para que participe das eleições. Vamos mostrar nossa força, vamos decidir e depois cobrar”, convoca Douglas Fanchin Taques Fonseca.

Informações e imagens: Divulgação/ACIPG

Digiqole ad

Notícias Relacionadas